Logo
Envie-nos uma mensagem agora mesmo
e agende a sua consulta ou exame

Resultado de Exames

Artigos Científicos

Sintomas Associados

Registro MS 80115310141
Marca CNS

A literatura médica atual descreve mais de 150 sinais e sintomas associados a Intolerância Alimentar.

 

PROBLEMAS RESPIRATÓRIOS

Rinite, sinusite e asma

PROBLEMAS MUSCULARES/ÓSSEOS

Artrite, dores nas articulações, dores musculares, fraqueza muscular

PROBLEMAS GASTROINTESTINAIS

Vômitos, inchaço abdominal, cólicas, excesso de gases, retenção de líquido, náuseas, prisão de ventre, diarreia, controle de peso, tpm

SISTEMA NERVOSO CENTRAL

Enxaqueca, dores de cabeça, dificuldade de concentração, alterações comportamentais e de humor, depressão, ansiedade, fadiga e hiperatividade

PROBLEMAS DERMATOLÓGICOS

Urticária, dermatite atópica, eczema, comichões na pele e outras erupções

 

 

 

Pesquisas mostram que a intolerância alimentar pode estar associada a anticorpos IgG elevados pelo sistema imunológico ao ingerirmos certos alimentos1. Em circunstâncias normais, esses anticorpos formam complexos com proteínas dos alimentos. Esses complexos são eliminados por nosso sistema imunológico sem causar sintomas. Se os sistemas imunológico ou digestivo estiverem comprometidos, esses complexos podem se depositar no corpo, causando inflamação resultando em uma vasta gama de sintomas, como fadiga, síndrome do intestino irritável (SII), inchaço, enxaqueca ou obesidade. Assim, nosso organismo percebe o alimento como sendo um alimento “problemático”. Os sintomas podem durar por muitos dias e são geralmente intermitentes, dificultando a identificação dos alimentos que seu corpo não tolera. A intolerância alimentar não deve ser confundida com a alergia alimentar.