Agende a sua consulta ou exame:
Logo

Resultado de Exames

FARMACOGENÉTICA EM CARDIOLOGIA VASCULAR

Prazo de Entrega - 25 dias úteis
Código
FGCAVA
Interpretação
Farmacogenética das Doenças Cardiovasculares
As doenças cardiovasculares englobam um conjunto de patologias relacionadas com o coração e os vasos sanguíneos que podem ocorrer tanto por fatores genéticos como ambientais. Destes últimos, cabe mencionar a dieta (excesso de ácidos graxos saturados, excesso de carboidratos, falta de fibra etc), a falta de exercício físico, o tabagismo e o álcool.

Tratamento Farmacológico
O tratamento farmacológico das doenças cardiovasculares se baseia na utilização de diversos medicamentos direcionados para tratar tanto as causas como os sintomas da doença. Alguns exemplos deste tipo de medicamento são os fármacos para controlar o colesterol, evitar a coagulação, prevenir o aparecimento de arritmias ou fortalecer o músculo cardíaco. Apesar dos últimos avanços no tratamento farmacológico, nem todos os pacientes com doenças cardiovasculares respondem adequadamente a medicação. Calcula-se que cerca de 40 a 60% dos pacientes com doenças cardiovasculares em tratamento não conseguem alcançar o efeito esperado com a medicação. Esta falta de efetividade do tratamento farmacológico das doenças cardiovasculares pode ser devido em grande parte a causas genéticas, pois a variação no genoma humano é um dos fatores mais importantes responsáveis por modular a resposta individual aos medicamentos. A Farmacogenética estuda como as diferenças genéticas entre indivíduos influenciam na distinta resposta aos fármacos. Em consequência, a análise genética dos polimorfismos implicados na distinta resposta do tratamento farmacológico das doenças cardiovasculares é de grande importância em um grupo considerável de pacientes. Este exame estuda as principais enzimas metabolizadoras e alvo implicadas no efeito e toxicidade dos distintos tratamentos farmacológicos da doença cardiovascular. A análise proporciona informação relevante acerca dos 14 fármacos mais utilizados, a partir do estudo dos 36 polimorfismos genéticos descritos na bibliografia científica.

INDICAÇÕES
- Pacientes com doenças cardiovasculares que desejem personalizar o tratamento baseados no seu perfil genético.
- Pacientes com doenças cardiovasculares nos quais o tratamento farmacológico não apresente os resultados esperados.
Material
SANGUE TOTAL
Método(s) e valor(es) de referência
MétodoParâmetroValor de referência
PCR EM TEMPO REALMÉTODO

                                                    
Produção do exame
Volume Mínimo 10 mL
Prazo 25 dias úteis
Realização Segunda a sexta-feira
Meio(s) de coleta Tubo com EDTA (roxo)
Instruções de preparo
Solicita-se o envio obrigatório de : (FGCAVA) - Consentimento Informado e Questionário - Farmacogenética (disponíveis no site do DB); - Pedido médico.
Instruções de distribuição
Transportar refrigerado (2°C a 8°C). (FGCAVA)
Instruções de rejeição
Amostras com coleta inadequada, tubo vazado ou não identificado, fora do prazo de estabilidade e/ou fortemente hemolisadas serão rejeitadas (FGCAVA)
Pesquisar outro exame